Estádios da Copa do Mundo no Catar 2022

Em novembro desse ano acontece a 22° edição da Copa do Mundo de Futebol, torneio que será realizado no Catar. A escolha do país chamou atenção dos torcedores, primeiro por ele não ter muita tradição no futebol, e segundo, pelas dimensões reduzidas do seu território.

A escolha do Catar como sede da próxima copa aconteceu em 2010, quando foi oficializada também a escolha da Rússia (sede em 2018), o que na época foi considerada uma escolha inusitada e que levantou suspeitas em relação a honestidade de todo o processo.

Catar, o menor país a sediar uma Copa do Mundo

Com dimensões pequenas, apenas 11.600 km² (para efeito de comparação Sergipe, o menor Estado brasileiro tem 21.910 km²), o Catar se localiza na península Arábica e conta com uma população com menos de 3 de milhões de habitantes, o que o torna o menor país a sediar uma copa. São características que a diferenciam dos últimos torneios realizados em países de dimensões continentais, como o Brasil e a Rússia.

O Catar é basicamente uma cidade-estado, uma única grande região metropolitana. A cidade mais populosa é Ar-Rayyan, com 600.000 habitantes. Já a capital Doha, que fica apenas a cerca de 20 quilômetros de distância, tem aproximadamente 590.000 habitantes. Assim, o grande diferencial desta copa será a distância entre as sedes, apenas uma dezena de quilômetros, o que possibilitará que o torcedor possa assistir mais de um jogo por dia, além de não precisar se preocupar com inúmeras estadias, caso queira acompanhar sua seleção durante a competição .

Uma Copa do Mundo no final do Ano

Outro diferencial dessa copa é a época do ano em que a competição será disputada, já que no verão do Oriente Médio, quando normalmente são disputadas esses torneios, as temperaturas costumam ultrapassar os 40° C, o que tornaria inviável a prática esportiva. Por consequência os jogos deste ano acontecerão em novembro e dezembro, outono no Catar, quando se espera que as condições sejam mais amenas. Além disso, os estádios estão sendo preparados para oferecerem refrigeração para atletas e público.

Porém, apesar dos números baixos em termos de tamanho e população, o Catar é um dos países mais ricos do mundo, exclusivamente por conta da extração do petróleo, o que fez a comissão organizadora da copa optar por reformar apenas um estádio no país e construir os outros sete. Alguns que terão sua capacidade reduzida depois da Copa e enquanto outros serão completamente desmontados

 

1.Estádio Lusail (Lusail)

Estádio para 80.000 espectadores, é o único que ainda não está terminado. Ele será o estádio com maior capacidade nessa Copa e receberá a final do torneio. Além das grandes dimensões e do design, o que chama a atenção no projeto do Lusail é que não será apenas construído um estádio, mas toda uma estrutura para abrigar uma nova cidade, com centros comerciais, de lazer e infraestrutura social para receber uma população de 250 mil pessoas. A nova cidade, também contará com hotéis, ilhas artificiais, marinas, shoppings, lojas de luxo e de entretenimento e outros. 

 

2.Estádio Khalifa (Doha)

Situado na capital Doha, o Estádio Khalifa foi o único estádio que foi reformado para a copa, sendo construído em 1976, é portanto o mais tradicional do país, já tendo sediado diversas competições. Tem capacidade para 40 mil pessoas e sua reforma ficou pronta em 2017. Para o torneio, o estádio será equipado com "tecnologia de resfriamento" que permitirá que os jogadores atuem em um ambiente climatizado.

 

3.Estádio Al Janoub (Al Wakrah)

Foi o primeiro estádio a ser entregue pela comissão organizadora da copa. Construído em Al Wakrah, uma das áreas mais antigas a serem habitadas ao sul de Doha, que possui uma herança arquitetônica, o estádio tem capacidade para 40 mil pessoas. Sua inspiração veio dos barcos pescadores de pérolas do Golfo Pérsico, por isso, as vigas curvas do interior do estádio relembram o interior de um navio.

 

4.Estádio Al Bayt (Al Khor)

O estádio Al Bayt, situado na cidade de AL Khor, receberá a cerimônia de abertura e a primeira partida da copa entre Catar e Equador, e tem capacidade para 60 mil torcedores. Inspirado pelas barracas tradicionais das populações nômades da península arábica, tem na sua parte superior da arquibancada um design modular portátil que será removido no final da copa e seis assentos serão oferecidos para programas de desenvolvimento do esporte em outros países.

 

5.Estádio Ahmad bin Ali (Al Rayyan)

O Estádio Ahmad bin Ali está localizado na cidade de Al Rayyab. Sua capacidade original é de 22 mil pessoas, mas será ampliada para 44 mil para a Copa. Casa de um dos times mais tradicionais do país, o Al Rayyan Sports Club, este estádio adiciona símbolos da cultura do Catar com sua fachada ondulada.

 

6.Estádio Al Thumama (Doha)

Localizado a 12 quilômetros ao sul de Doha, o estádio Al Thumama tem capacidade para até 40 mil torcedores. Sua fachada é inspirada nos padrões de tecido da Gahfiya, uma tradicional touca usada pelos homens mulçumanos na península arábica.

 

7.Estádio Education City (Doha)

 O estádio Education City recebeu esse nome por estar próximo a maior universidade do país. Receberá 40 mil torcedores durante a Copa. Sua fachada, que apresenta padrões triangulares, lembra a estrutura de um diamante, o que faz com que pareça mudar de cor dependendo do horário e posição solar.

 

8.Estádio 974 ou Ras Abu Aboud (Doha)

O inovador estádio Porto de Doha (Ras Abu Aboud Stadium ou 974 Stadium) tem capacidade para 40 mil torcedores e foi todo construído com uma estrutura de contêineres. Após a Copa, ele será todo desmontado e suas peças serão enviadas para contribuir com o desenvolvimento social e esportivo em vários países. O nome do estádio está ligado à quantidade de containers utilizados na sua construção, 974.